Conselheiro Lafaiete, MG

Cidade para passear, morar e investir.

Conselheiro Lafaiete, MG – Cidade para passear, morar e investir.

O Canal NAECO apresenta neste vídeo o município de Conselheiro Lafaiete no alto Paraopeba de Minas Gerais, filmado nas ruas, estradas rurais e rodovias de acesso, voo panorâmico com drone, narrado, com detalhes por mapa ilustrando referências geográficas, população e recursos econômicos.

Vamos publicar todas as 853 cidades de Minas Gerais, para você que quer rever sua cidade ou pesquisar condições para visitar, morar ou investir e, se gostar do nosso trabalho, lhe convidamos a fazer parte do Clube de Assinantes do Canal Naeco, por apenas R$7,99 você ajudará a cumprir esta meta, que divulgará a sua cidade.

A cidade de Conselheiro Lafaiete se localiza no eixo da rodovia BR 040 e fica a 100 Km da Capital Belo Horizonte.

Campo Alegre dos Carijós foi o acampamento que deu origem ao município de Conselheiro Lafaiete, formado em 1683 por garimpeiros e índios paulistas da bandeira de Paes Leme, os primeiros a explorar os sertões da capitania de Minas Gerais.

Em 1964 os bandeirantes Manuel Camargo, Bartolomeu Bueno de Siqueira, Miguel Garcia de Almeida Cunha e João Lopes chegam em Campo Alegre e construíram   a capela de pau-a-pique dedicada a Imaculada Conceição iniciando a formação do povoado de Campo Alegre.

O pioneirismo dos paulistas na exploração do ouro e pedras preciosas em Minas provocou a corrida de muitos oportunistas ambiciosos iniciando muitos conflitos com povos originários e governo das províncias por falta de coordenação da mineração que culminou com a Guerra dos Emboabas, vencidas pelos Emboabas reforçados pelas tropas do governo da capitania de Minas que estabeleceu os limites das capitanias e criou a taxa de 20% sobre a mineração, o “Quinto”.

Com a criação da taxação sobre a mineração muitos mineradores perderam escravos que formavam quilombos e saqueavam comitivas, outros mineradores se arriscavam na clandestinidade e assim muitos acampamentos e quilombos foram se transformando em povoados.

Com as distribuições de Sesmarias, titulo de concessão para uso das terras da Coroa Portuguesa em atividades agrícolas, os conflitos foram minimizados.

Os primeiros sesmeiros na região do município de Conselheiro Lafaiete foram Jerônimo Pimentel Salgado e Amaro Ribeiro em 1.711.

Na mesma época foi criado o Caminho Novo que deu velocidade ao desenvolvimento do povoado de Campo Alegre.

 Em 1752 Campo Alegre se eleva a distrito de São João Del Rei com o nome de Queluz.

Em 19 de setembro de 1790, Queluz se desmembra de São João Del Rei e se eleva a município.

Em 1934 Queluz altera seu nome para Conselheiro Lafaiete.

Hoje, junho de 2024, o município de Conselheiro Lafaiete conta com uma população se aproximando de 130.000 habitantes, com um domínio territorial de 369,544 Km², em altitude de 995m e é banhado pelos rios Pequeri, Ventura Luiz, Bananeiras e Paraopeba, que pertencem as bacias do rio São Francisco.

Os municípios que fazem divisa com o município de Conselheiro Lafaiete são:  Ouro Branco, Itaverava, Santana dos Montes, Cristiano Otoni, Queluzito, São Brás do Suaçuí e Congonhas.

A estrutura econômica do município de Conselheiro Lafaiete é bem equilibrada e diversificada nos setores de indústria, comércio agropecuária e prestação de serviços.

No turismo os pontos mais visitados são: Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição, Igreja Santo Antônio, Biblioteca Antônio Perdigão. Casa de Cultura Professora Gabriela Mendonça, Teatro Municipal Placidina de Queiroz, Paróquia do Sagrado Coração de Jesus, Estátua do Cristo Redentor, Gameleira da Varginha do Lourenço, Parque de exposição Tancredo Neves e Chafariz da Praça Barão de Queluz.

A cidade tem uma agenda de eventos bem extensa além de shows, peças teatrais, atividades culturais, festas populares, exposições e comemorações religiosas para você se divertir, morar ou investir em Conselheiro Lafaiete.